Você quer ter presença on-line, então precisa dominar o marketing digital. Leia a coluna desta semana de Marco Delavald

Você já deve ter ouvido falar em funil de vendas, conversão, geração de leads… Não?

Então o que você está fazendo que ainda não foi pesquisar sobre isso?

Estas expressões estão na essência do marketing digital, cada vez mais necessário ao mundo dos negócios. Você quer ter presença on-line, então precisa dominar o marketing digital. 

Mas não fique apreensivo, caso não saiba o que é. Um pouco a gente explica aqui, na nossa coluna. Marketing é uma expressão norte-americana, cunhada na necessidade de explicar o comportamento do mercado diante da postura do consumidor. Nada mais é que a análise do mercado sob a ótica do consumo e suas tendências. Marketing digital é esta carroçada toda, na internet. Rede que dá vida a computadores, celulares, televisores e por aí segue…

E o marketing começa dentro de vosso site. Isto mesmo. A grande maioria das vendas originadas tanto em lojas físicas, quanto no comércio eletrônico começa com uma simples busca no Google. Faça um teste, tente encontrar um produto que você vende por meio do buscador mais famoso o mundo. Veja se a sua busca faz alguma relação com a sua marca.
Caso isto não aconteça, nós temos um problema sério.

A programação de um site deve ter uma lista de palavras-chave, para orientar os sistemas de busca, na hora que um consumidor quer comprar algo, e tem a pesquisa do Google como referência. Atualmente, as redes sociais como o próprio Facebook utiliza estes indexadores de conteúdo para também tornar visível ou não uma marca, ou determinado conteúdo. 

O posicionamento correto na internet passa por uma série de processos, que começam dentro do seu site, integrando-se posteriormente ao modo como o consumidor utiliza as ferramentas digitais. É preciso que seu sistema seja visível no mundo digital para que mais pessoas lhe encontrem.

Mas também não adianta ficar visível para o Google e Facebook e achar que a mágica acontece sozinha. O maior erro de quem cria uma imagem digital é não investir de forma adequada na presença on-line, e isto passa sim pela compra de mídia nas redes sociais e ter a orientação de profissionais da área para realizar este trabalho. O tempo do “eu faço sozinho, eu sei, eu domingo” acabou. Apenas quem vai atrás de informação e formação tem o know-how para tanto. 

Ah, sobre o funil de vendas… Vamos lá. Ele acontece da seguinte forma: A partir das buscas em rede social ou pelo Google, é possível transformar os dados do consumidor que pesquisou em venda. O pessoal da área chama isso de lead, que é potencial negócio, a partir de uma busca digital. Quantas vezes você pesquisou sobre alguma coisa no Google, e depois, misteriosamente, vários anúncios daquele tema começaram a aparecer em suas redes sociais e na tela do computador… Esta mágica do funil de vendas.

Alguém que vende o que você pesquisou usa o seu lead para tentar te convencer a comprar com ele. Por isso eu reforço, nunca foi tão importante falar em marketing digital. Bora aplicar isso nos nossos negócios? Você não perde por investir neste meio, resultado é certo. Em frente, pois 2019 está só começando e a gente tem muita coisa para falar aqui ainda.

Por Marcos Aurélio Delavald,
Especialista na comunicação mediada pela plataforma digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.